Lançada Oficialmente a Primeira Avaliação Prospectiva do Fundo Global

Foi oficialmente lançada, na última quinta-feira (14.12), a Primeira Avaliação Prospectiva do Fundo Global, um dos principais financiadores da luta contra o HIV, Tuberculose e Malária no país, e desde 2002 que apoia Moçambique na luta contra estas três doenças.

Na ocasião, a Ministra da Saúde, Nazira Abdula, referiu que as avaliações programáticas são importantes instrumentos para optimizar as intervenções e para o alcance das metas a que se propõem.

“Permitem também medir o impacto dos programas, por isso, estamos cientes que os desafios para acelerar o controlo do HIV, Tuberculose e Malária exigem novas abordagens e modelos de condução das avaliações”, frisou Nazira.

Com esta nova modalidade de avaliação dos programas do Fundo Global em Moçambique, o país passará a contar com um modelo de avaliação mais participativo, interactivo e ajustado ao contexto e desafios actuais. Espera que esta avaliação apoie na melhoria da eficiência das intervenções e acelerar a resposta para o controlo e eliminação destas três doenças no país.

Esta avaliação cujo início está previsto para 2018 será implementada pelo Observatório Nacional de Saúde de Moçambique, em colaboração com a Universidade Eduardo Mondlane e a Universidade de Johns Hopkins dos Estados Unidos da América.